Insights on chlorhexidine loaded acrylic resins after aging






Autores: Joana Costa, Inês Rijo, Daniel Pedro, Ana Bettencourt, Jaime Portugal, Cristina Bettencourt Neves
Instituição: Faculdade de Medicina Dentária da Universidade de Lisboa
Valor da bolsa: 200.00€
Apresentação durante o evento IADR/PER General Session em Londres, Reino Unido | 2018-07-25

Resumo:
Objetivos: O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito a longo prazo da incorporação de clorexidina na microdureza e resistência à flexão de resinas acrílicas de rebasamento.
Métodos: Resinas acrílicas autopolimerizáveis de rebasamento com composição química distinta foram utilizadas: Kooliner, Ufi Gel Hard e Probase Cold. Grupos experimentais foram estabelecidos com base em estudos, microbiológicos e mecânicos, prévios que demonstraram diferentes comportamentos da clorexidina quando incorporada nas três resinas. Kooliner foi incorporado com clorexidina até 7,5% (m/m), Ufi Gel Hard até 10% e Probase Cold até 5%. Após a polimerização, espécimes com 64×10×3,3 mm (n=8) foram submetidos a um processo de envelhecimento de 1000 ciclos térmicos a 5°C e 55°C (20 segundos cada banho). Os espécimes foram então submetidos ao teste de microdureza Knoop e ao teste de resistência à flexão de 3 pontos. Os resultados foram analisados segundo o método de Kruskal-Wallis com posteriores comparações múltiplas pelo teste de Mann-Whitney com correção Bonferroni (α=0,05).
Resultados: Probase Cold apresentou valores superiores de microdureza e resistência à flexão em comparação com os outros dois materiais (p<0.05). As diferentes concentrações de clorexidina incorporada não afetaram os valores de microdureza ou de resistência à flexão nas resinas acrílicas de rebasamento em estudo (p>0,05).
Conclusão: A incorporação de diferentes concentrações de clorexidina nas resinas acrílicas de rebasamento parece não afetar a microdureza e a resistência à flexão do material, após um processo envelhecimento térmico.


expandir

Anexos disponíveis

pdf 1.34 MB | Bolsa: poster ou comunicação oral

Patrocinadores:

Imprimir
XXXIX Congresso Anual da SPEMD Comemorações de Santa Apolónia 2019 Noites SPEMD Congresso Ibérico ITI European Assotiation for Osteointegration (EAO)
Agenda
fev
21

Noites SPEMD

A periodontologia ao serviço da equipa dentária multidisciplinar

Coimbra

fev
26

Noites SPEMD

Regeneração óssea com fatores de crescimento na reabilitação em Implantologia

Lisboa

mar
12

Noites SPEMD

Estratégicas adesivas em prótese fixa: estado da arte

Braga

mar
16

Eventos

Comemorações de Santa Apolónia 2019

Hotel Dolce CampoReal

mar
23

Cursos SPEMD

O porquê da lima reciprocante? Atualização dos protocolos de instrumentação rotatória.

Coimbra - Sede do Conselho Regional do Centro

Junte-se a nós no Facebook e no Instagram
© 2000-2019. Todos os direitos reservados
Termos e Condições